Processos e etapas

Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito.


Provérbios 4:18


Por esses dias comecei a olhar algumas publicações no Instagram e percebi como existem pessoas vendendo facilidades nas redes sociais. As postagens parecem verdadeiras receitas de bolos de "como fazer para vencer": faça isso, evite aquilo, acorde cedo, durma tarde e muitas outras dicas de pessoas que ensinam a vencer, mas não sabemos se elas mesmas são pessoas vitoriosas.


Observei que no meio cristão evangélico não está diferente, porque muitas pessoas estão vendendo soluções instantâneas baseadas em uma suposta fé que rompe todas as barreiras, do tipo: "se você quer, você pode". Isso me fez meditar, e passarei a discorrer a minha opinião pessoal baseada, no conhecimento bíblico que possuo até o momento, acerca do assunto.


Em primeiro lugar creio que existem, sim, milagres instantâneos para situações específicas. É evidente que em algumas situações existe a necessidade da urgência do agir de Deus, pois caso contrário as coisas podem se tornar muito difíceis ou quase impossíveis levando em consideração a nossa frágil estrutura e a nossa pequena capacidade humana de suportar o sofrimento.


Porém, conforme dito, essas situações são específicas. Não creio que sejam a regra, conforme passo a explicar.


A experiência da vida cristã ocorre na experimentação da vontade de Deus, e para que possamos experimentar qual seja a boa, perfeita e agradável vontade do Senhor, precisamos passar por processos e etapas. Os maiores homens de Deus na bíblia passaram por várias aflições (processos) e situações distintas (etapas) sendo moldados pelo Criador até atingirem a maturidade espiritual, que a palavra de Deus conceitua como sendo a estatura de varão perfeito.


Nós precisamos ter muito cuidado para não guiarmos os nossos objetivos pessoais pelas frases feitas de postagens do Instagram. Cada um de nós está vivendo um momento particular da nossa história, ou seja, talvez a instrução emitida em uma postagem nas redes sociais pode ser útil para uma pessoa, mas pode ser um atraso para outra pessoa que está vivendo em um estágio mais avançado da vida.


Pode ser que alguém sinta-se tentado a voltar atrás e reviver experiências que foram negativas, apenas porque viu uma facilidade sendo vendida, a baixo custo, em uma plataforma de interação social, do tipo: "faça o que você quiser" "seja quem você quer ser", "não se importe com ninguém, o que vale é o que você deseja viver".


Alguns de nós nos sentimos confortáveis com o revanchismo de algumas postagens ditas cristãs evangélicas, do tipo "quem riu de mim, vai me aplaudir quando eu vencer", "deixe as pessoas que te puxam pra baixo de lado, fique apenas com quem gosta de você". Ora, às vezes quem está "puxando o outro pra baixo", é o amigo que está tendo coragem de falar o que a pessoa não gostaria de ouvir, porque sente-se confortável em viver uma vida longe do padrão de Deus.


Contudo, hoje nas redes sociais as pessoas que têm coragem de dizer uma verdade dolorosa que incomoda são classificadas como "pessoas tóxicas" e os relacionamentos com quem diz a verdade que incomoda são classificados como "relacionamentos tóxicos".


Em tempo, é claro que existem pessoas extremamente negativas que podem ser evitadas, mas pergunto, essas pessoas também não podem ser influenciadas pela mensagem do evangelho da qual somos portadores?


Precisamos nos submeter aos processos e etapas do agir de Deus, conscientes de que os milagres instantâneos são para ocasiões específicas, sabendo que na grande maioria das vezes o Senhor nos ensina no caminho, para quando chegar o momento da exaltação estejamos preparados para todos os perigos que circundam a vida do exaltado.


Não são todos que suportam os processos e as etapas de Deus, alguns ficam pelo caminho admirados das frases de efeito que estão na moda, especialmente as postagens de soluções mágicas para problemas complexos.


Meu amado irmão e querido amigo, fuja da tentação de querer resolver problemas complexos com base em soluções que não custam nada. Situações difíceis demandam muita oração, busca de orientação na palavra de Deus, lágrimas, perseverança, maturidade conquistada a cada dia de sofrimento suportado, até que finalmente compreendemos, às vezes depois de muito tempo, a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.


Submetamo-nos aos processos e às etapas de Deus, e percebamos o agir de Criador em nós e através de nós, após termos sido moldados por cada situação delicada vencida no trajeto. Algumas vezes as lutas serão difíceis e demoradas, mas elas são capazes de transformar o nosso caráter em um verdadeiro caráter cristão.


Que Deus em Cristo nos abençoe.


Ev. Sylmar Ribeiro Brito

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo