Aprenda a lidar com a inveja

E falou Caim com o seu irmão Abel; e sucedeu que, estando eles no campo, se levantou Caim contra o seu irmão Abel, e o matou.


Gênesis 4:8


A bíblia está repleta de exemplos de rivalidade entre pessoas, motivada pela inveja. A forma mais comum de inveja demonstrada na bíblia sagrada ocorre entre irmãos, como nos casos de Caim e Abel, os irmãos de José, os irmãos de Davi e os irmãos de Moisés.


É notória na palavra de Deus a inveja presente contra a vida de pessoas que Deus escolhe e levanta, e na maioria esmagadora das vezes o invejado paga um preço muito caro, sem ter culpa alguma sobre os sentimentos despertados no coração do invejosos.


Quando jovens, somos pegos de surpresa com esse sentimento que nasce no coração das pessoas contra nós, sem termos ideia de que despertamos inveja em pessoas próximas. Em muitas ocasiões preferimos não acreditar que pessoas por quem temos consideração nutrem um sentimento tão negativo por nós.


Com a chegada da maturidade, no entanto, compreendemos que essa é uma triste realidade, e para não sermos prejudicados precisamos lidar com a situação com sabedoria.


Um dos motivos que levou José a ser invejado foi porque falou demais. Precisamos ter muito cuidado acerca de quem compartilhamos os nossos sonhos, nossos planos e nossa alegria pelo sucesso. Nem todas as pessoas que estão nosso redor torcem por nós, existem invejosos velados que não suportam estar perto de quem obtém êxito seja no que for.


Infelizmente, alguns relacionamentos devem ser rompidos para o nosso bem, porque corremos o risco de termos um destino semelhante ao de Abel ou de José se insistirmos em estar perto de pessoas que parecem gostar de nós, mas no fundo não querem o nosso bem.


Devemos aprender a ser discretos. Em tempo de redes sociais, que deixam a vida de todos os participantes exposta, precisamos ter muita cautela acerca daquilo que mostramos aos outros. Muitos tem sido alvo de inveja em virtude dos objetos, eventos, pessoas e situações expostas nas redes sociais. Posteriormente, sofrem com perseguições, indiretas, tentativas de humilhação, etc., porque não souberam ser discretos acerca da sua vida particular.


Outro ponto fundamental para se precaver de invejosos, é abandonar a roda dos escarnecedores. No salmo 1, o salmista recomenda o abandono da roda dos escarnecedores com o objetivo de sermos bem sucedidos. Existem certos grupos, inclusive de whatsapp que precisam ser abandonados. Cremos que estamos participando de uma diversão inocente, mas a exposição das nossos opiniões em grupos de escarnecedores pode nos trazer um malefício muito grande, inclusive despertar a inveja dos participantes.


O sentimento de inveja é uma realidade que quase todas as pessoas enfrentam. Se você é uma pessoa bem sucedida em alguma área da vida, ou deseja ser bem sucedido, saiba que necessitará aprender a lidar com a inveja.


Busquemos em Deus sabedoria para compreender a necessidade de lidar com as pessoas invejosas, de forma que não sejamos feridos, nem necessitemos ferir as pessoas que possuem esse sentimento tão negativo ao nosso respeito.


Que Deus em Cristo nos abençoe,


Ev. Sylmar Ribeiro Brito.




9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo