ANULANDO SOFISMAS I - O QUE SÃO SOFISMAS?

Atualizado: 10 de out.

Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus, para destruir fortalezas, anulando nós sofismas.


2 Coríntios 10:4


O que vem a ser anular sofismas? Para entender esta pergunta e darmos um direcionamento a este artigo, inicialmente precisamos entender o que vem a ser sofismas. Conforme pesquisa no Google sobre o significado de sofismas, encontramos: argumento ou raciocínio concebido com o objetivo de produzir a ilusão da verdade, que, embora simule um acordo com as regras da lógica, apresenta, na realidade, uma estrutura interna inconsistente, incorreta e deliberadamente enganosa; ou argumentação que aparenta verossimilhança ou veridicidade, mas que comete involuntariamente incorreções lógicas; paralogismo.


Na realidade a utilização de sofismas é uma das principais estratégias do inimigo para enfraquecer e confundir os cristãos, e desde o primeiro contato da antiga serpente com o ser humano, ele utilizou dessa artimanha. Quando no jardim, satanás manteve contato com Eva, utilizou um argumento falacioso com o objetivo de produzir a ilusão da verdade. Iniciou o diálogo enganoso por uma pergunta que gerou dúvida sobre a palavra de Deus no coração de Eva, notemos o diálogo:


Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim?

Gênesis 3:1


Notemos que o inimigo começa o diálogo com Eva criando dúvidas no seu coração a respeito do que Deus havia dito, para aplicar a estratégia de construir um sofisma, ou seja, um argumento que parecer verdade, mas é uma mentira.


E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos,
Mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis para que não morrais.
Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis.
Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.
Gênesis 3:2-5

Notemo que um raciocínio enganoso é construído para confundir Eva acerca das intenções de Deus, e este raciocínio possui elementos de verdade, mas a conclusão é uma mentira. De fato os olhos do primeiro casal se abriram como a serpente havia dito, mas como a palavra de Deus não mente, ao lançar mão do fruto proibido ocorreu a morte espiritual do homem, ou seja, a queda.


Então foram abertos os olhos de ambos, e conheceram que estavam nus; e coseram folhas de figueira, e fizeram para si aventais.
Gênesis 3:7

Os olhos de ambos foram abertos como a serpente havia mencionado no sofisma criado, mas a palavra de Deus se cumpriu a e a morte foi produzida, ou seja, o modus operandi da serpente é produzindo meias-verdades para que o povo de Deus desobedeça a verdade absoluta que é a palavra de Deus e sofra as consequências da desobediência.


Esta mesma tática o inimigo tentou utilizar com Jesus na oportunidade da tentação no deserto, quando utilizou a palavra de Deus para tentar iludir o Salvador:


E disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces com o teu pé em alguma pedra.
Mateus 4:6

Observemos que o modo do inimigo agir foi foi citando o Salmo 91.12 para tentar fabricar um sofisma, a fim de que Jesus se ensoberbecesse e fizesse uma demonstração de poder que não glorificaria o nome de Deus. Mas Jesus, sabedor das artimanhas de satanás, utilizou a obediência à palavra de Deus para anular o sofisma criado pelo inimigo:


Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus.
Mateus 4:7

Chegamos à conclusão que a arma da nossa milícia espiritual que anula sofismas é a compreensão e obediência completa à palavra de Deus! Atualmente, estamos atravessando um momento onde muitos falsos mestres e falsos profetas estão enchendo a igreja do Senhor de doutrinas de demônios (I Tm 4.1). Como diz a palavra de Deus, são espíritos enganadores que estão pregando e ensinando através destes ministros de satanás, enviados para confundir o povo santo.


O combate espiritual deve ser com a verdade da palavra de Deus contra os sofismas do inferno que estão entrando na igreja do Senhor, tal como o sofisma de "um Deus que é puro amor e nunca pune o pecador", ou o sofisma de um evangelho humanista no qual as pregações, ensinos e cânticos desenham um "Deus que está desesperado correndo atrás do homem para tratá-lo como um coitadinho e niná-lo com todo o carinho" ou até mesmo o sofisma de um falso evangelho que ensina o poder de objetos ungidos, batuques e vestimentas que mais se assemelham à religiões de matriz africanas e outros enganos".


Devo acrescentar que um dos piores sofismas que surgiu no nosso meio é a supervalorização dos dons e a relativização do caráter cristão. Muitos estão ensinando que se um homem ou mulher é usado por Deus é porque se trata de um homem ou mulher de Deus. Precisamos entender que Deus usou até a mula de Balaão, e para cumprir os Seus propósitos Deus pode utilizar homens e mulheres que são desprovidos de caráter, mesmo que não compreendamos na totalidade a essência da propósitos do Senhor nessas ocasiões.


Precisamos dar ênfase à vontade completa do Senhor expressa na sua palavra, mesmo que venha nos confrontar, especialmente para que as fortalezas espirituais sejam destruídas e sofismas sejam anulados. A palavra do Senhor pode ser objeto de estudo, mas jamais deve ser objeto de questionamento como alguns estão fazendo hoje em dia, com o sofisma de "atualizar a bíblia".


Por acreditar em meias-verdades, ou seja, sofismas que colocaram em xeque a palavra de Deus, Eva e Adão perderam o acesso ao Jardim do Éden, corromperam a terra e perderam o domínio do planeta que Deus havia dado aos homens (Sl. 115.116). O primeiro casal deixou de obedecer uma ordem expressa do Senhor e acreditaram em meias-verdades, ou seja, sofismas, fabricados pelo inimigo. E nós, como estamos agindo com relação às determinações e proibições contidas na palavra do Senhor?


Que Deus guarde as nossas mentes e os os nossos corações de buscarmos a nossas próprias vontades sob o pretexto de estarmos fazendo a vontade do Senhor, porque existem caminhos que ao homem parecem direitos, mas o seu fim, são caminhos de morte.(Pv. 16.25). O apóstolo Paulo expressou que temos aramas espirituais para anular sofismas, e precisamos utilizá-las. Sem dúvida, a principal arma para anular sofismas é a palavra de Deus, pregada e ensinada com verdade, custe o que custar e doa a quem doer.


Não podemos negociar as verdades eternas para dar conforto a quem quer que seja, mesma que seja à nossa consciência!


Que Deus em Cristo nos abençoe!


Ev. Sylmar Ribeiro Brito

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo